X

QUERO AGENDAR

VOCÊ DESEJA AGENDAR:
EXAME CONSULTA

Gastroclínica Florianópolis

(48) 3222-6677 (48) 9142-2582 (48) 9694-6075
Diretor Técnico Médico: Amilton Carniel Guimarães - CRM/SC 8079

NOVIDADES

  • Doença Celíaca

    O que é a Doença Celíaca?

    A Doença Celíaca, também conhecida como Espru Celíaco ou Enteropatia sensível ao Glúten, é uma desordem
    autoimune que ocorre em pessoas geneticamente predispostas e afeta tanto crianças quanto adultos. Nas portadores da doença, a ingestão de alguns tipos de produtos feitos a partir de alguns cereais pode causar danos no intestino delgado. Esses danos podem interferir com a capacidade do intestino delgado de absorver os inúmeros nutrientes presentes nos alimentos que ingerimos todos os dias, causando desnutrição e uma variedade de outras complicações. As sequências de aminoácidos responsáveis pelo problema são chamadas coletivamente de “Glúten”, que é encontrado no trigo, centeio, cevada, malte e, em menor concentração, na aveia.

    Nos indivíduos portadores da Doença Celíaca, a ingestão do Glúten desencadeia, de forma indevida, uma resposta imunológica na mucosa do intestino delgado (mucosa é a camada de células que reveste a face interna do intestino e que está em contato direto com tudo que ingerimos por via oral). Essa resposta imunológica inadequada produz danos na mucosa intestinal, que, gradativamente, vão comprometer a função absortiva intestinal. Com a capacidade absortiva intestinal reduzida, a oferta de nutrientes essenciais para a manutenção da saúde reduz e outras complicações se tornam evidentes, como desnutrição, osteoporose etc.

    Qual a incidência da Doença Celíaca na população em geral e nos parentes de portadores?

    Aproximadamente 1 em cada 133 pessoas é portadora da Doença Celíaca, muitos ainda sem um diagnóstico formal,pois muitas vezes os sintomas são vagos e intermitentes.

    Cerca de 16% dos parentes de primeiro grau de portadores da Doença Celíaca também irão desenvolver o problemas ao longo de suas vidas.

    Quais são os sintomas da Doença Celíaca?

    Os sintomas mais comuns são: anemia, flatulência excessiva, cólicas abdominais, diarreia recorrente, algumas vezes constipação, fadiga, sensação de falta de energia, infertilidade, aftas orais, problemas no esmalte dentário, emagrecimento, dores articulares e irritabilidade.

    Os minerais e vitaminas comumente deficientes nos portadores são: minerais: cálcio, cobre, ferro, magnésio, fósforo, potássio, selênio e zinco; vitaminas: A, D, E, K, ácido fólico, B 1, 2, 3, 6, 9, 12 e C.

    Como é feito o diagnóstico da Doença Celíaca?

    Em caso de suspeita da Doença Celíaca, é necessária uma consulta com um Gastroenterologista, que, inicialmente, irá solicitar alguns exames de sangue específicos e, posteriormente, uma endoscopia digestiva alta com biópsias (retirada de pequenos fragmentos de tecidos) da mucosa do intestino delgado para estudo histológico sob microscópio por um médico patologista. O patologista é capaz de detectar as alterações características da Doença Celíaca, sendo esses achados de grande relevância para o diagnóstico.

    Qual o tratamento da Doença Celíaca?

    O único tratamento eficaz disponível no momento é a retirada completa da dieta de alimentos que contém Glúten. Na maioria dos casos, os danos na mucosa intestinal são totalmente reversíveis com essa medida e a função intestinal retorna ao normal.

    Contudo, a dieta livre de Glúten deve ser seguida de forma definitiva para a manutenção duradoura da integridade da mucosa intestinal.

TRABALHE CONOSCO