X

QUERO AGENDAR

VOCÊ DESEJA AGENDAR:
EXAME CONSULTA

NOVIDADES

  • Colonoscopia: a importância do exame na prevenção do câncer de intestino

     

    O principal objetivo do exame de colonoscopia é permitir que o médico possa olhar diretamente para dentro do cólon (intestino grosso) e identificar possíveis problemas, tais como o câncer de intestino, inflamações na parede intestinal, além de verrugas – os pólipos -, que podem ser pré-cancerosas, e tumores.

    O exame é altamente indicado para pessoas com idades acima de 50 anos e para pessoas acima de 30 anos com histórico de câncer na família. Outros casos, como fezes com sangue ou dor contínua no lado esquerdo podem ser sinais de que é necessário realizar uma colonoscopia. Se durante o exame o médico não detectar nenhum tipo de problema, o procedimento deve ser repetido após 5 ou 10 anos.

    Realização do exame

    Inicialmente o paciente estará sedado e deitado, então o médico introduzirá um tubo de 1 metro de comprimento pelo ânus. Enquanto percorre as cinco primeiras curvas do cólon, uma minicâmera na ponteira transmite as imagens, aumentadas até 150 vezes, para a tela de um computador.

    Em seguida, se o médico notar alterações na mucosa, como uma inflamação, ativa uma pinça que retira um fragmento da lesão para biópsia. Mas, ao esbarrar em lesões malignas, o próprio colonoscópio pode retirá-las de maneira segura. Tudo isso costuma durar cerca de 20 minutos.

    O médico pode solicitar outros exames complementares como hemograma e análise de fezes para determinar e diagnosticar alguma doença. O resultado da avaliação do material da colonoscopia costuma demorar alguns dias para ser liberado.

    Se durante o exame o médico houver retirado um ou mais pólipos, é possível que ele indique uma dieta especial para os próximos dias. Nos casos em que houve retirada de pólipos ou biópsia de lesões suspeitas, uma pequena quantidade de sangue nas primeiras fezes após o exame é normal.

TRABALHE CONOSCO